top of page

Por que são Dez Sephiroth?

Atualizado: 19 de mar. de 2022


4-elementos-10-esferas

Esta é uma curiosidade que muitas vezes me perguntam, e a resposta é bastante simples, na verdade. As dez Esferas, ou Sephiroth, são diretamente derivadas das combinações dos 4 Elementos Primordiais. Os 4 Elementos formam 10 Possibilidades de combinação, como mostra na figura acima.


Ar-Ar – O Conhecimento, o Aether, o sutil, o Todo. Ar-Água – As Águas Superiores da Tempestade irrigando toda a criação. As gotas da criação formando um arco íris no qual é possível discernir todas as nuances de cores do multiverso. Ar-Terra – A Montanha, a primeira forma de Manifestação e Restrição. Ouranus encontrando Gaia para gestar Saturno, o tempo. O espiritual se concretiza nas Leis rígidas da criação. Água-Terra – A Prosperidade, o Campo Fértil e irrigado Fogo-Terra – O Vulcão, a Vontade Aplicada na Concretização. A forja com a qual criamos nossas armas mágicas. Fogo-Fogo – A Verdadeira Vontade, o Xristos, o Sagrado Coração. Ar-Fogo – O Conhecimento em Movimento, o Mensageiro veloz, o encontro do abstrato com o Intelecto. Água-Fogo – As Águas em Movimento, a Inspiração, a Paixão/Emoção Água-Água – O Mar, Os Sentimentos em sua forma primordial. A Geração. Terra-Terra – A Manifestação Física, a Terra.


O Pilar Central da Árvore da Vida remete aos quatro elementos puros, Kether, Tiferet, Yesod e Malkuth. As combinações formam a estrutura inicial em torno do qual desenvolveu-se toda a geometria sagrada. Além destes, existe a Sombra, Daath, que é o Portal entre a Árvore de Vida e a Árvore da Morte.


Deixo de Lição de casa para vocês descobrirem qual Esfera é qual Combinação…


335 visualizações0 comentário

Posts Relacionados

Ver tudo
bottom of page