top of page

Fotamecus

Atualizado: 30 de abr. de 2022


O que é o tempo, senão a variedade de uma coisa? – Austin Osman Spare

História Fotamecus era originalmente um sigilo criado na primavera de 1996 quando eu mostrava ao Profeta Louco algumas técnicas de sigilação. O Profeta Louco guardou o papel que havíamos usado para a demonstração e começou a usar ele enquanto estava dirigindo; o intento do sigilo era para “Forçar o Tempo a se Comprimir”. Ruben, um amigo nosso, entrou nessa, e eles dois começaram a dar energia para o sigilo. Fotamecus cruzou a linha sigilo/servidor depois que Ruben e o Profeta Louco assistiram ao show do Metallica em Sacramento, no qual se diz que Quinn sorriu e teria olhado maldosamente para a multidão e murmurado “gnose livre…” antes de se abrir para canalizar [energia] e se entregar ao mosh. Durante a volta, despejaram toda a energia em excesso em Fotamecus, e voltaram para casa com metade do tempo que eles normalmente levariam.

Fui informado disso e fiquei intrigado, e durante a Peregrinação no Death Valley (três dias numa van com sete magos do caos) Fotamecus foi posto à prova: o grupo dirigiu grande energia à ele para que nos ajudasse a cobrir o caminho de Santa Rosa (norte de San Francisco) ao Death Valley mais rapidamente.

Na primeira parada da viagem todos olhamos para o relógio depois de entrar em Vallejo. Quinze minutos mais tarde havíamos viajado quinhentas milhas, através do MacArthur Maze (o mais vertiginoso encontro de rodovias conhecido pelo homem), isso no tráfego do dia de Ação de Graças. O segundo carro que ia conosco se perdeu imediatamente atrás de nós, e eles não haviam parado de dirigir. Nunca pararam. Desperdiçamos 45 minutos em Livermore antes de voltar para a estrada e coincidentemente nos encontrarmos com o segundo carro novamente.

Havia ali um efeito que se manifestava de apenas um lado.

As últimas três entradas em I-5 antes de Bakersfield, que deveria ter tomado uns 15 minutos, tomaram perto de uma hora. Tempo comprimido, tempo expandido.

Para nós, expandido num dos trechos mais cansativos da estrada na Califórnia.

Neste ponto, vários dos meus amigos e eu sentamo-nos e fizemos alguns trabalhos sobre Fotamecus, tornando-o um servidor viral: ele poderia criar cópias de si mesmo. Nós unimos os Fotamecus em uma rede de modo que se um comprimisse o tempo, mas não quisesse que ele se expandisse, isso passava a ser dever de outro Fotamecus na rede. Eles todos trabalham junto com as várias cópias de fora, e o melhor é que funciona.

Sigilos Fotamecus era um sigilo que depois se tornou consciente e se tornou um servidor.

Modificações foram feitas no sigilo original de modo a torná-lo um servidor viral. O sigilo do servidor viral Fotamecus segue à esquerda.

A palavra “Fotamecus” em si é o sigilo mântrico original a partir do qual foi criado o sigilo gráfico. Além de se concentrar no sigilo gráfico, existe a possibilidade de se focar pela audição entoando o sigilo mântrico “fo-tuh-meh-kus” (N.T. Como o texto original é em inglês, a leitura aproximada para isso é “fo-tiuh-méh-kius”).

Instruções de Uso

Criando e usando uma nova cópia: 1. Estique seu dedo indicador;

2. Trace o sigilo de Fotamecus – pode ser no ar, ou em algum meio físico. Ao mesmo tempo em que você desenha o sigilo, visualize um raio de luz octarina saindo de seu terceiro olho (N.T. O terceiro olho é Adjna, cuja cor é lilás) em direção ao seu indicador enquanto desenha o sigilo. Deixe a cópia octarina brilhando aonde você a desenhou;

3. Use o Fotamecus, focando no sigilo atrás de você, enviando-lhe muita ou pouca energia (como preferir), juntamente com a intenção de expandir ou comprimir o tempo. E, como sempre, siga o princípio “Lixo dentro, Lixo fora”, dando a ele a energia que necessita;

4. Instrua Fotamecus de como ele deveria reciprocamente esticar/comprimir o tempo. Por exemplo, se ele expande o tempo para você, pergunte a ele como contratá-lo na próxima vez que você dirigir para algum lugar. Se você comprimiu tempo, peça a ele para expandi-lo na próxima vez na hora de acordar, dando-lhe mais tempo para subir. Ou a coisa mais fácil de fazer é pedir para que passe a expansão/compressão para outro servidor na cadeia viral, deixando alguém que precise, usá-lo;

5. Sente-se (afaste-se) e veja o que acontece!

Pegando uma petição de ajuda de um servidor Fotamecus distante: 1. Acalme sua mente por um momento;

2. Envie uma chamada com sua mente, pedindo para Fotamecus vir e te ajudar, dizendo a ele brevemente se o que você precisa de tempo expandido ou comprimido;

3. Continue fazendo o que estava fazendo, e veja se funciona.

Notas • Quando se usa Fotamecus, é mais fácil simplesmente mandar energia durante o intento de comprimir ou expandir o tempo. Fotamecus é bastante inteligente e cuida do resto. • Depois de carregar, não se preocupe com ele. Fotamecus parece trabalhar melhor se você se esquece que ele está trabalhando por aí. A maioria dos efeitos são notados mais tarde: “Ei, faz só quinze minutos e meu CD já tocou duas vezes…” • Existem algumas pessoas que, depois de trabalharem com Fotamecus, obtiveram algum sucesso com visualizações envolvendo puxar o tempo controlando o seu fluxo através de si mesmas e melhor que ele. Mas Fotamecus parece ficar irritado se você começa a fazer seu trabalho melhor do que ele, então não espere que o servidor trabalhe bem novamente se você começar a controlar o tempo por si mesmo. Não que você vá precisar dele nesse ponto. • Talvez a melhor imagem para representar Fotamecus seja um relógio sendo esmagado por uma marreta. Relógios trabalham com o premissa de que o tempo é estável e mensurável. Fotamecus trabalha com a premisssa de que o tempo é instável e maleável. • O servidor é bastante trabalhador, serviçal, e de uma personalidade dócil. Sua personalidade dócil e compreensiva é provavelmente devida em grande parte aos seus pais: sete amigos caoístas da faculdade enfiados numa van para uma longa viagem durante o dia de Ação de Graças, da Bay Area até o Death Valley em 1996. Olhando para quem ele viria a ser quando estava “crescendo” (desenvolvendo as partes anteriores de sua personalidade que estavam ainda não formadas e deixadas para espontaneidade), é difícil imaginar que ele poderia vir com algo além de “fácinho”. • Por favor, me mande e-mail com quaisquer questões, comentários e histórias interessantes [N.T. o email do criador do artigo é fenwick@chaosmatrix.com, como consta no link do qual retiramos o texto].

Esse texto está registrado sob uma licença Creative Commons 2.5, e sob os seguintes termos: http://creativecommons.org/licenses/by-nc-sa/2.5/br/

1.349 visualizações0 comentário

Posts Relacionados

Ver tudo
bottom of page